O Arco do Futuro, assim como o Trem-Bala, também foi pro espaço.

 

Vocês se lembram do “Arco do Futuro”, o projeto mais vistoso do então candidato a prefeito de São Paulo, Fernando Haddad?  Eram imagens belíssimas na TV de um arco começando na Av. Cupecê, cortando a Zona Sul e chegando à marginal do Pinheiros, seguindo e incluindo a marginal do Tietê até encontrar a Jacu Pêssego, já na Zona Leste.  Tudo isso com total mobilidade em todo o arco, com novas avenidas, conjuntos habitacionais e comerciais e, se não me falha a memória, com um sistema de transporte em trilhos ao longo do Tietê.  Uma nova cidade.

O objetivo anunciado era criar novas áreas de adensamento habitacional e comercial com a finalidade de aproximar habitação e emprego.   Lindo e, conforme alertamos, inexequível, não só porque não havia qualquer projeto consistente, mas porque não havia dinheiro ( seria muito ) para isso.

Mas o objetivo real – criar um impacto na propagando eleitoral da TV – foi conseguido, fez o candidato parecer uma coisa nova e moderna na política e ajudou-o a vencer as eleições.

Hoje a secretária municipal de Planejamento, Leda Paulani, informou que a meta que incluía obras de apoio viário ao longo da Marginal Tietê, um dos pilares do Arco do Futuro,  foi excluída.  Acabou o arco.  Como o trem bala, também foi pro espaço.  Ela disse:”são obras muitos caras” que foram pensadas para revitalizar o entorno do Rio Tietê e que “o governo não teria condição de fazer.”

Pois então não sabiam que eram obras muito caras?  Não se tratava de algumas intervenções urbanas, apenas, mas de uma profunda mudança na cidade, absolutamente impensável.

Essa gente mente tanto que bem que merece o “fora Haddad”.  Não farei nada para isso, mas que vai acontecer, vai.

You may also like

4 comments

  • Eliane Sevi 17 agosto, 2013   Reply →

    O Sr faz uma oposiçao inteligente clara e objetiva !!! Mostra com clareza a ma fè do canditado Fernando Hadad que enganou o povo com publicidade enganosa !!! Agora o mais importante è saber se alèm desse inventario desastroso que o Sr vem mostrando sua equipe tem preparado um programa “beton” para as proximas eleiçoes, . Seria jà uma boa prèvia para os eleitores se desprogramarem dessa era
    petista que acomodou muita gente por ter sido um periodo muito longo de BLà Blà Blà e, que ainda estao nao podemos negar alienados com a liderança petista .O eleitorado brasileiro està dividido !!!! Vai ser um trabalho de combatente para sairmos dessa . “Bon Courage”

  • Eduardo Britto 17 agosto, 2013   Reply →

    “Assim como” e “também”, em uma mesma frase… frase mal construída…

  • José Augusto 18 agosto, 2013   Reply →

    Goldman,o trem bala e o tal arco do futuro não poderão ir para o espaço,pois a Base de Alcântara no Maranhão esta as moscas.Eles foram para o buraco,aliás para os diversos buracos de nossas ruas. Poderíamos reativar o primo Pinóquio do Prefeito.Abs

  • Markut 21 agosto, 2013   Reply →

    Pois é. Enquanto o sistema de escolha dos nossos representantes se calca em propagandas enganosas, continuaremos a ter mais do mesmo. Vende bem um produto de má qualidade. Puro engodo eleitoreiro, que revela todo o nosso despreparo institucional.
    A médio e longo prazo, um eleitor mais bem escolarizado e uma reforma do sistema eleitoral poderão reduzir essa anomalia, que em nada beneficia a sociedade. Muito ao contrário.

Leave a comment