Dilma venceu? Pura ilusão numérica.

Dilma obteve 54,45 milhões de votos e Aécio obteve 50,89 milhões.  Dilma venceu?  Pura ilusão numérica.

O PT teve uma grande derrota nessas eleições, não só pelo fato de ver minguadas suas bancadas de deputados federais e deputados estaduais.  O PT perdeu a liderança entre os trabalhadores industriais e de serviços, entre a juventude, entre os empresários pequenos e médios e entre os profissionais liberais.

O PT foi derrotado nas áreas do país em que a moderna e mais produtiva economia se manifesta, da cidade e do campo, onde a sociedade civil é mais ativa e menos dependente do Estado.

O PT só foi maioria entre os mais humildes, grande parte daqueles que pela falta de rendimentos formais dependem do auxílio do Estado, dos seus mais diversos benefícios.  Lembrem-se das afirmações de Dilma nos debates de que existiam 50 milhões de brasileiros dependentes do bolsa-família.  Esses representam cerca de 35 milhões de eleitores dentre os quais estimo que Dilma tenha tido mais de 28 milhões de votos, metade do total obtido no país.  O PT, na campanha, não se envergonhou de afirmar, a todo momento e em todos os recantos do país, que a manutenção desses benefícios dependia da eleição de Dilma.  Uma arma apontada para a têmpora de milhões de simples cidadãos.

Tudo isso é expresso não apenas pela divisão regional do país, em que Aécio venceu nas regiões de economia mais avançada com uma população independente do Estado e Dilma venceu nas regiões onde a economia ainda tem muito do passado coronelista de dependência da população.

Os resultados nos municípios do país são bem elucidativos:  Aécio venceu Dilma nos municípios de mais de 500 mil eleitores (16,49 milhões de votos contra 14,38 milhões), e nos de 100 mil a 500 mil (14,20 milhões contra 13,00 milhões) e perdeu nos municípios com menos de 100 mil eleitores, em especial naqueles com menos de 50 mil eleitores (20,20 milhões contra 27,19 milhões).  A vitória de Dilma nos municípios de menos de 50 mil eleitores por uma diferença de 5,77 milhões de votos foi decisiva para a diferença final de Dilma sobre Aécio de 3,66 milhões de votos.

Dentre os 145 municípios do país de mais de 200 mil habitantes, Aécio venceu em 85. Em São Paulo, dentre os 40 municípios de mais de 200 mil habitantes, Aécio perdeu em apenas 4.  Venceu em todos os municípios de grande base industrial. Na capital paulista, Aécio venceu em 48 zonas eleitorais e perdeu em 10, as regiões de população mais pobre e mais dependente, e nessas fazendo, no mínimo, 39 % dos votos.

Quem diria, o PT, nascido como partido da classe trabalhadora e das elites intelectuais das grandes cidades, passou a ser o partido dos grotões e da população dependente do Estado brasileiro. Na década de 1970 e começo dos anos 80, a ARENA, partido de sustentação da Ditadura Militar, fez o mesmo caminho. Conforme a população menos dependente do Estado passou a rejeitar a ditadura, a ARENA passou a ter votações mais expressivas apenas nos rincões do país, onde o medo frente à ameaça de perda de benefícios torna o povo mais conservador.

Tudo isso tem uma enorme importância política.  Manter um governo com essa base de apoio e a rejeição da maioria de uma sociedade produtiva e atuante, é tarefa impossível se levarmos em conta, ainda mais, o quadro de crise econômica em que se encontra o país e os inúmeros escândalos cuja elucidação vai atingir, inevitavelmente, os principais comandos políticos petistas e de seus aliados, como já se deu até agora.

Essas análises que faço nos últimos posts têm sido propositadamente confundidas por alguns como preconceituosas, como se eu estivesse afirmando que o voto dos mais pobres vale menos. Pelo contrário, estou denunciando a perversidade da campanha petista em explorar a miséria das pessoas que mais dependem do Estado ameaçando-as de perda dos benefícios de que dependem para viver.

Nesse contexto o papel da oposição, ainda que disposta a respaldar qualquer medida em benefício do povo, é de exercer, com o máximo rigor e eficiência, o seu papel de oposição, determinado pelo resultado numérico da eleição, e assumir a sua responsabilidade, pelo que lhe cabe representar: o anseio do povo ávido por mudanças profundas na vida da Nação.

You may also like

24 comments

  • Nisiia Maria da Silva Néto 29 outubro, 2014   Reply →

    meu interesse agora é saber o que o PSDB vai fazer, em relação às tantas acusações de corrupção que pesam sobre PT/Dilma, especificamente ao scandânlo da Petrobrás.

  • Valtércio Gomes da Nóbrega 30 outubro, 2014   Reply →

    Síntese da realidade econômica e eleitoral brasileira.
    Abraços.

  • Tania Rosa do Espirito Santo 30 outubro, 2014   Reply →

    É o Sr. está com a razão, a parcela da população que elegeu Dilma é aquela que depende de benefícios do Governo, será muito importante o papel da oposição nesse novo mandato. Acredito que eles querem ser os donos do País e nunca mais largarem o poder temos(o PSDB) dois Senadores por São Paulo que é o estado mais rico da Federação, espero de Aloisio Nunes e José Serra façam um trabalho forte de fiscalização e empenho para que medidas arbitrárias desse governo não passem em votação. Principalmente no que diz respeito a liberdade de expressão. FISCALIZAÇÃO JÁ!! Sou cidadã Paulista e funcionária publica estadual há 20 anos. Esse estado não pode quebrar. Funcionária da Secretaria de Desenvolvimento Social.

  • Rodrigo A. M. 30 outubro, 2014   Reply →

    Se ficar provado que a presidente reeleita tinha conhecimento do “petrolão”, veremos se o Brasil suportará a deflagração de um processo de impeachment. Eu vou para as ruas.

  • Rodrigo A. M. 30 outubro, 2014   Reply →

    O que faltou dizer: O PSDB precisa ter um discurso para ganhar eleição. Votei em Marina Silva no primeiro turno porque duvidava da capacidade do PSDB de triunfar no segundo turno. Infelizmente, acertei.

  • renato françoso filho 30 outubro, 2014   Reply →

    totalmente pertinente e oportuno seu abalisado comentario- a responsabilidade da oposição nestes quatro proximos anos é de nos aproximarmos da população de menor renda oferecendo a mesnagem propositiva de valorização da cidadania- forte abraço-

  • Walter Barreto 30 outubro, 2014   Reply →

    Prezado Senhor Alberto Goldman,
    Tenho muito a escrever, entretanto a dúvida de ser lido segura a digitação.
    Quero todavia colocar uma reflexão: as redes sociais provaram que são o caminho. Para tudo. Para o Bem ou para o Mal.
    Observei e observo uma enxurrada de denúncias, posts e vídeos.
    Agora, o que observo também é que não surgiu ninguém disposto a liderar esse mal-estar todo !
    As denúncias surgem – falsas ou não. Geram expectativas que se diluem pois não há seguimento. Ninguém informa nada. Ninguém orienta.
    Campo fértil para explorações. Para dividir as pessoas.
    É óbvio que é uma tarefa impossível responder, seguir ou contestar o que surge a cada minuto.
    Mas, independente disso, ficou faltando alguém arrebatar a bandeira da oposição, da luta e mostrar a essa população toda que existe um LÍDER disposto, um aglutinador dessa insatisfação reinante.
    Quando lula, o crustáceo barbudo, começou sua caminhada, ele infernizava o governo 32 horas por dia (me recordo bem disso. Todos recordam).
    Certo ou errado ele lutava sempre – e a mídia adorava isso. O povo o via como um D.Quixote. E, tendência humana, torcia para o mais fraco.
    Virou o que virou, deu no que deu. (deixo claro que sou TOTALMENTE contra sua ideologia).
    Não era nascido na época, mas através de vários meios conheço um pouco da estória da ascensão de Hitler. Ele fez a parte dele, assim como o crustáceo barbudo faz dia-após-dia.
    Por favor Sr. Goldman não permita que existam “Chamberlains” fazendo concessões para eternizá-lo.
    Meus cumprimentos. Que Deus proteja nosso País !

  • Markut 30 outubro, 2014   Reply →

    Exato.
    O de que mais dependemos, agora que o leite está derramado, é evitar a abulia que se apossou da sociedade, perante o tsunami de malfeitos e com a escandalosa cooptação política, que conseguiu neutralizar praticamente todo o movimento oposicionista. Isto não pode acontecer mais. Já chega 12 anos de assaltos, com direito a mais doze, se nos descuidarmos. Independente do voto, é a sociedade civil que deve pressionar e fiscalizar os seus representantes eleitos.

  • Marly Gouveia 30 outubro, 2014   Reply →

    Há neste momento uma enorme ansiedade por parte dos que não suportam mais o PT e a presidente Dilma, seus erros e seus vícios, que o PSDB assuma de forma clara e corajosa o seu papel de oposição. Espero que o PSDB não caia na conversa mole de “união e diálogo” que a Dilma propõe. O que ela quer é cooptar o PSDB e continuar governando (desgovernando) sem oposição.
    Oposição já é o grito que aparece nos e-mails que recebo e nas mensagens do facebook.

  • Ivan Saes Roberto 31 outubro, 2014   Reply →

    Caro Governador.
    São veiculadas muitas informações na internet, principalmente nas redes sociais, sobre uma possível fraude na contagem eletrônica dos votos. Eu particularmente, por ser ligado a área da tecnologia da informação, não confio muito no sistema. Acho-o frágil e certamente aberto a fraudes. Como sabemos da indole dos dirigentes do PT, de sua sede de poder, mais o aparelhamento do judiciário, com Toffoli, militante petista, presidindo o TRE, acabo achando que essas informações não são tão descabidas assim. O que o senhor acha disso? Gostaria de ouvir sua sempre ponderada e abalizada opinião.
    Forte Abraço.

    • Alberto Goldman 3 novembro, 2014   Reply →

      Ivan só mesmo a auditoria que estamos solicitando poderá nos dar uma informação correta.

  • Luiz Arena 31 outubro, 2014   Reply →

    Prezado Dr. Alberto , bom dia ,
    Tenho acompanhado seus comentários a respeito da campanha do PT e seus inúmeros e ” diabólicos” artifícios para intimidar , coagir , ameaçar e ludibriar o eleitor que , por falta de acesso adequado a informação fica a mercê do “sistema de captação de votos” montado nas diferentes esferas da máquina do governo em prol da candidata do PT.

    O que dizer do” estarrecedor” video mostrado pelo Estadão ( segue o link abaixo ) , no qual fica evidente e cabalmente provado o uso da máquina dos Correios de MG pelo PT para cooptar eleitores , isso pode ?.

    http://l.facebook.com/l/_AQFu8WiJAQHnN8NHgYRtYZgDAS8f-ltWNyyoxGUm9nmZQA/chn.ge/1v1zxyl?share_id=BjSBRSeasM

    Entretanto , minha motivação em lhe escrever decorre de outra informação que tem me incomodado bastante , o fato de eleitores do Aécio estarem reclamando de votos que teriam sido anulados no ato da votação apesar do procedimento de digitação estar correto.
    Um amigo tambem reportou ter feito a opção de voto de modo correto porém ao confirmar o voto , surgiu a tela de voto inválido ou nulo.
    Ao reclamar para o mesário ouviu a explicação de que ele teria cometido um “erro de digitação” , ele nega veementemente.
    Pois é , para minha surpresa , hoje pela manhã abro o jornal e vejo que o PSDB estária solicitando uma auditoria exatamente por este motivo.
    Como você bem sabe , a manipulação dos meios eletrônicos , seja de softwear ou hardwear é algo que está ao alcançe dos hackers e iniciados .
    Assim sendo, tenho 7 perguntas ao Sr. :
    1 -Qual o grau de confiabilidade do fabricante das urnas , ( a empresa está livre das benesses do governo ? ) , algumas dessas urnas , de preferência em áreas de menor desenvolvimento socio econômico poderiam conter algum tipo de ” cavalo de tróia ” que a faria anular ou modificar randomicamente 1% dos votos dados a um determinado candidato ?
    2- Poderia o softwear , ser infectado com algum virus que provocasse o mesmo efeito ?
    3- Aonde estão as milhares de urnas utilizadas ? Seria possível rastrear alguma dessas urnas através da identificação da zona e secção do eleitor lesado e fazer uma autópsia da mesma ?
    4- Quem são estes seletos senhores , uns 30 pelo que ouvi , que , trancados no TSE ,sob o comando do ( ops… ) Ministro Tofoli , produziram o resultado final de um pleito com 140.000.000 de votos , lembrando que apenas 1% deste total significam ( ops…) 1.400.000 de votos , número mágico não é ?.
    5-O incrível número de abstenções no RJ e em MG me faz pensar : Será mesmo que os cariocas tenham preferido ir a praia ao invés de votar ?
    E como explicar a facada nas costas do Aécio em MG ?
    É inacreditável que os paulistas tenham dado mais votos ao Aécio que seus conterrâneos , só para ser do contra ?
    6- Se o PT usou descaradamente a máquina dos Correios em MG ( se ainda não viu, não deixe de ver o video do Estadão ) a seu favor porque não ir direto ao pote com 30.000.000 milhões de votos nulos , brancos e invalidos que formam uma massa inacreditavel de ( ops… ) votos sem dono ?” É disso que o Diabo gosta”.
    7-Finalmente Dr.Alberto , pegunto se o Sr. poria a mão no fogo pela confiabilidade e isenção do ” Sistem@ Eletr@nico de Vot@ç@o ” ?

    Eu não Cara-pálida !!!

    Caro Dr. Alberto , lhe desejo boa sorte e espero que o Sr. continue na sua luta para evitar a bolivarização ou cubanização do Brazil .

    E que Deus nos ajude porque o ” Diabo ” já fez a parte delê .

    Grande abraço ,

    Luiz Arena

    • Alberto Goldman 3 novembro, 2014   Reply →

      Arena, por isso pedimos uma auditoria sobre o processo todo.

      • Luiz Arena 5 novembro, 2014   Reply →

        Prezado Dr. Alberto , bom dia ,
        Como era de se esperar , foi negado pelo TSE o direito a auditoria eleitoral solicitada pelo PSDB .
        Houve a liberação de alguns dados, porem ,que tipo de informação foi liberada ,e se a mesma detem alguma informação relevante ou se é mero diversionismo ainda não se sabe.
        Entretanto é assustador o grau de exaltação do ministro do TSE ao emitir seu parecer aos berros como se fosse uma infâmia a pura e simples (e diga-se de passagem ,democraticamente devida) ,solicitação da prestação de contas de um orgão que deveria zelar pela sua total e irrefutável confiabilidade.
        Ao demonstrar total falta de equilibrio em sua estapafurdea manifestação , o ministro não contribui em absolutamente nada para trazer transparência ao processo e muito menos tranquilizar aqueles que por conhecerem o modus operandi do PT ficaram naturalmente preocupados com a lizura do sistema eletrônico.
        A velha tática de atacar o interlocutor na base do ofendido não oculta o fato de sua Exa. ter antigas ligações com o partido do governo ,fato este que não aumenta sua presumida e nescessária isenção .
        A velha história da esposa de Cesar ,que deve não apenas :
        ” ser , mas parecer honesta “.
        Ao sentir-se ofendido , sua Exa. presta um desserviço a nação e perde execelente oportunidade de calar a todos aqueles ( seriam aloprados ? ) que questionam a lizura do processo .
        Ao permitir a auditoria sua Exa. daria uma lição de isenção e patriotismo , mostrando a total confiabilidade do sistema e ai sim contribuindo imensamente para a reunificação do país não apenas recontruindo as pontes ” diabólicamente ” incendiadas durante a campanha como tambem calaria a boca de todos daqueles que por razões óbvias tem a consciência intranquila quanto ao que se apresenta para o futuro ou seja , se a confiabilidade do sistema não for total, como ficam os próximos plebistitos eletrônicos nos quais o interesse de todos os brasileiros estão em jogo e não apenas da metade ?
        Saudações democráticas .
        Abraço,
        Arena

  • Ana Maria Carrão 31 outubro, 2014   Reply →

    Excelente análise, que abre os olhos para detalhes nem sempre percebidos por quem vê apenas os números finais.

  • AGUIDA MOYSES 1 novembro, 2014   Reply →

    Análise perfeita ,isso é nada além da verdade nua e crua !

  • Antonio Eduardo 1 novembro, 2014   Reply →

    Prezado Senhor Goldman,

    Acabo de ler no UOL, declaração de V.Sas. sobre “ânimos exaltados” e sua preocupação.
    V.Sas. não considera que suas declarações expõe sua hipocrisia na medida em que foi o senhor que antes mesmo do segundo turno declarou que a presidente não tem legitimidade?
    Gostaria de uma resposta?
    Não vale me xingar como é habitual ao Sr Aluysio.

    • Alberto Goldman 3 novembro, 2014   Reply →

      Antonio Eduardo, continuo dizendo que o que Dlma fez na campanha lhe restringe a legitimidade. Ganhou a eleição usando métodos inaceitáveis. Quanto aos ânimos exaltados reconheci da legitimidade da manifestação de indignação, a menos do pedido de intervenção militar. Isso, nunca.

  • Mario 1 novembro, 2014   Reply →

    Prezado Alberto Goldman,

    Rigor e eficiência precisam de mais coragem. Não é criticando quem deu a cara a bater nas ruas na data de hoje que a oposição será rigorosa, como deu a entender o jornalismo militante da Folha de São Paulo a respeito de suas declarações. À diferença de suas declarações na Folha, se a oposição quiser ser atuante e proteger a Constituição Federal, deverá questionar a forma que essas eleições foram conduzidas, isto é, questionar o intenso uso da máquina pública contra adversários. Para citar um caso, durantes as eleições, grupos ligados ao governo atual simplesmente depredaram o portão da sede da Editora Abril. Lutar por auditoria é obrigação. Não houve nenhuma normalidade nessas eleições. Recomendo a leitura do artigo “Sucessão de Fraudes”, de Olavo de Carvalho (fonte: http://www.midiasemmascara.org/artigos/governo-do-pt/15515-2014-10-29-20-59-03.html). Há vários motivos para pedir o impeachment de Dilma, como, por exemplo, a traição à pátria e ao artigo 49, inciso I, da Constituição, nos investimentos secretos de dinheiro brasileiro a ditaduras estrangeiras. Neste caso de investimentos secretos, é preciso parabenizar o Senador Álvaro Dias e pedir que a atuação dele seja multiplicada dentro da oposição como exemplo virtuoso, assim como parabenizar a atuação do Senador Mário Couto (meu xará) ao pedir o impeachment de Dilma. A omissão da oposição nesses assuntos só pode ser ominosa.

    Mario

  • Francisco Pompeu 1 novembro, 2014   Reply →

    Tome tento sr. Goldman!
    É impressionante! Quando FHC era eleito no 1º turno, sem nenhuma sombra de fraude, sem nenhuma campanha baseada em infâmias e calúnias, na semana seguinte já estava o PT, com sua militância a soldo, nas ruas com o Tarso gritando fora FHC! Naquelas ocasiões nunca se ouviu uma moderada voz petista pedindo calma.
    Agora, após uma campanha de inaudita sordidez, com o TSE dominado por petistas de carteirinha, com sérios indícios de fraude, com uma evolução temporal dos votos durante a apuração que parece desenhada a dedo, esquisitíssima do ponto de vista estatístico, quando populares em manifestação espontânea protestam contra Dilma e seu mais do que provável envolvimento no Petrolão, questionam a possibilidade de fraude, aparecem políticos do PSDB, não condenando o PT, mas repreendendo os populares.
    Que porcaria de partido este? Aécio declarou que o Brasil perdeu o medo do PT, mas o psdb continua borrando as calças diante do petismo! Borrou-se no assassinato de Celso Daniel, borrou-se no Mensalão, borrou-se com Serra e Alckmin diante de Lula e Dilma! Quando Aécio parecia começar a enfrentar o PT, os borrões tentam de novo borrar. Fora cambada! Fora os cagões!
    Não se ouviu o Alberto Goldman condenar o Elias Jaua ou o Maduro em suas manifestações claramente ofensivas à soberania nacional e temos de aturar este senhor questionando a livre manifestação democrática de cidadãos brasileiros?

    • Alberto Goldman 3 novembro, 2014   Reply →

      Francisco Pompeu, eu tenho de te aturar e você não quer me aturar? Livre manifestação tem todo meu apoio. Apelo a militares para implantarem a ditadura que vivi, nunca.

  • Francisco Pompeu 1 novembro, 2014   Reply →

    MILHARES PROTESTAM NO BRASIL CONTRA FRAUDE ELEITORAL E A AMEAÇA DE GOLPE COMUNISTA DO PT. GRANDE MÍDIA TENTA ABAFAR ESTE FATO!

    Lobão, famoso músico e escritor brasileiro, emprestou o seu prestígio à manifestação na Av. Paulista em São Paulo

    Todas estas fotos foram postadas no Twitter por diversas pessoas incluindo nos textos protestos contra os jornalões e sites da grande mídia que tentaram minimizar o tamanho das manifestações que ocorreram em várias capitais. Impressionante é que pela primeira vez uma manifestação com milhares de pessoas foi organizada apenas pelas redes sociais. Esse movimento Fora Dilma, Fora PT que se expressou nas urnas começa a ganhar as ruas do Brasil! CLIQUE SOBRE AS FOTOS PARA VÊ-LAS AMPLIADAS
    Manifestações populares em diversas capitais convocadas pelas redes sociais levaram milhares de pessoas às ruas em diversas capitais do Brasil neste sábado, denunciando a fraude eleitoral que reelegeu a “presidenta” do PT, a Dilma do Lula. Mas não apenas isso, as pessoas protestaram contra a ameaça bolivariana, eufemismo criado pelo finado caudilho Hugo Chávez, que designa comunismo, na novilíngua do neo-comunismo do século XXI. Não faltaram os cartazes e os gritos de Fora Dilma! e Impeachment da Dilma Já! além de outras palavras de ordem que decoravam faixas e cartazes. Havia, por exemplo, um cartaz fulminando”Maduro Assassino”, referindo-se ao ditador comunista da Venezuela.

    Com razão, alguns grupos inclusive, cobraram uma posição das Forças Armadas brasileiras, o Exército, Marinha e Aeronáutica a tomarem um posição clara e efetiva face ao avanço da tirania comunista do PT e do Foro de São Paulo, organização transnacional que está promovendo a transformação dos países latino-americanos em Repúblicas Socialistas e da qual Lula fundador juntamente com Fidel Castro.

    Num contraste com as passetas do PT e seus satélites, que o Brasil estava acostumado a ver, com todo aquele vermelhão de ódio e destruição de bens públicos e privados, as manifestações deste sábado em várias cidades do Brasil estavam vestidas de verde, amarelo, azul e branco, as cores da Bandeira do Brasil, em paz e em ordem.

    Fazia muito tempo que isso não acontecia porque o PT e seus black blocs haviam dominado as ruas. O PT na verdade, tinha privatizado as ruas e avenidas do Brasil, posando de vestal, arrogando-se uma superioridade moral que nunca teve. Aliás, o mensalão e agora o petrolão que o digam. A cúpula do PT e o capitão do time de Lula foram processados e acabaram na Papuda, incluindo o cínico facinoroso Zé Dirceu.

    E, como não poderia deixar de ser, os jornalões – Folha, Estadão e o Globo – tentaram por todos os meios desqualificar e esvaziar as manifestações. As televisões não sei, porque não vejo a televisão que considero uma porcaria, um veículo de mídia caduco, responsável por promover a lavagem cerebral comunista.

    Levando-se em conta que foram manifestações convocadas pelas redes sociais, o que aconteceu neste sábado em vários pontos do Brasil, foi um sucesso absoluto. Mobilizações pelas redes sociais no Brasil tinham sido até agora um fracasso em termos de público. Desta feita, como mostram as fotos, o sucesso das manifestações restou evidente, porém é diminuído pelos jornalões com truques de edição (eu sei do que estou falando pois sou jornalista há mais de 40 anos e cansei de editar esse tipo de material há alguns anos.

    Os repórteres da Folha, Globo e Estadão são todos esquerdistas, politicamente corretos, ciclistas, ecochatos e, sobretudo, petistas de carteirinha. Uma legião de rematados idiotas cujo mérito maior é idolatrar o Lula e a Dilma.

    A Folha, por exemplo, conseguiu armar uma manifestação contra o governador Geraldo Alckmin, para poder dar em machete que ocorreram duas manifestações: uma contra a Dilma e o PT e outra contra o governador Geraldo Alckmin. Querem por que querem que Alckmin se transforme no Senhor das Chuvas. É um troço completamente idiota que os depravados da Folha de S. Paulo elevam à categoria de verdade. Considero a Folha de S. Paulo como uma bosta, mas isso não diminui a desinformação que consegue passar aos leitores. E aí já adentramos à seara do direito penal: isso é crime!

    Seja como for, os eventos denunciando a fraude, as picaretagens do PT, a ameaça concreta de transformação do Brasil numa republiqueta comunista, as roubalheiras na Petrobras (putz! a lista de crimes do PT é imensa…) foram um sucesso. É um bom começo. E algo inaudito: não foi convocado por nenhum partido político o que por si só já dá uma ideia concreta do mal-estar que acomete todos os brasileiros decentes e honestos de Norte a Sul do Brasil. Há um nó na garganta das pessoas! Há uma angústia pronta para explodir!

    Reservo este parágrafo final para render uma homenagem especial ao meu querido amigo Lobão, um dos pioneiros do rock brasileiro, um artista com todas as letras, um escritor, um compositor e instrumentista dedicado que tem tem milhares de fãs em todo o Brasil. Lá estava ele, uma celebridade nacional, dando seu apoio à grande manifestação que cobriu a Av. Paulista em São Paulo. Lá estava o Lobão embrulhado numa Bandeira do Brasil. Foi lindo ver tudo isso! Obrigado Lobão, obrigado aos milhares de manifestantes que foram às ruas de forma civilizada, porém objetiva, revelando ao mundo, apesar do boicote e a má vontade da grande imprensa nacional, que a maioria dos brasileiros não vai engolir de jeito nenhum um regime comunista bolivariano!

    O recado foi dado neste sábado. E vem mais coisas por aí! Acreditem!

  • Luiz Arena 14 novembro, 2014   Reply →

    Prezado Dr. Alberto , bom dia ,

    Não tenho recebido mais os e-mails do seu blog , o que aconteceu ?

    Será que fui censurado ?

    Abraço,

    Luiz Arena

    • Alberto Goldman 16 novembro, 2014   Reply →

      Censura só de baixaria. Deve estar caindo na sua caixa de spam ou indesejadas

Leave a comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.